HL7™ - Modelos de Dados e Interoperabilidade

INTEROPERABILIDADE PARA TODOS

A necessidade de interoperabilidade em saúde é eminente

 


Organizações de saúde sem capacidades de interoperarem dados, acabam por implementarem estratégias de baixo desempenho, prejudicando sua competitividade, produtividade e eficiência na prestação de serviços.

 

A falta de informação, como para uma alergia severa de um paciente, coloca em risco, o paciente e os profissionais do atendimento médico.

 

Esta falta de informações sobre o paciente, deve ser seriamente encarada como prejuízos, não somente financeiros, mas sim como o mais grave deles, prejuízos para a reputação e imagem da instituição.

 

Erros médicos causam muitas ‘dores de cabeça’, pois processos jurídicos, em sua maioria, são ganhos pela parte hipossuficiente, neste caso, os pacientes.

 

É inadmissível que continuemos a permitir erros por falta de informação, sendo que esta, foi coletada em algum ponto do tempo da vida deste paciente, mas que não está disponível, no momento em que ele mais dela precisa….

 

Neste artigo abordamos algumas das problemáticas e soluções, para alavancarmos e avançarmos com a interoperabilidade para o Sistema Brasileiro de Saúde

 


DOWNLOAD PDF: AVANÇANDO PARA A INTEROPERABILIDADE